OLHAR IMOBILIÁRIO

Balneário Camboriú continua com o metro quadrado mais caro do Brasil
Santa Catarina teve valorização três vezes maior que a média nacional


Foto: divulgação/arquivo

O índice FipeZap de julho de 2022 revelou que Balneário Camboriú continua com o preço médio do metro quadrado mais caro do Brasil: R$ 10,2 mil. Foi uma valorização de 22,88% no último ano. Em segundo lugar, aparece São Paulo com o metro quadrado avaliado em R$ 9,9 mil; em terceiro, Rio de Janeiro com R$ 9,7 mil.

Das 50 cidades analisadas pelo FipeZap, 45 tiveram crescimento da valorização imobiliária acima da inflação, com média de 5,7% de valorização.

Santa Catarina lidera não só o ranking de metro quadrado mais caro, mas também o de valorização imobiliária acima da média nacional (incluindo capitais). Enquanto a média nacional ficou na casa dos 5%, cidades catarinenses valorizaram em 19% nos últimos 12 meses.

As cidades catarinenses com o metro quadrado mais valorizado nos últimos 12 meses, além de BC, são Itapema, com 20,56%; São José, com 19,73%; e Itajaí, com 19%. A valorização em Santa Catarina é três vezes maior que a média nacional.

Além das cidades do Litoral Norte, outras regiões tiveram valorização alta. Florianópolis teve aumento de 13,42%, Blumenau 15,29% e Joinville 10,77.

/


Fale conosco ou participe do nosso grupo do WhatsApp




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



OLHAR IMOBILIÁRIO  |   04/08/2022 16h20





OLHAR IMOBILIÁRIO  |   04/07/2022 11h16


OLHAR IMOBILIÁRIO  |   28/06/2022 15h38