EDUCAÇÃO

Recriarte retoma atividades de forma gradual




Foto: Divulgação

Nesta semana, as escolas particulares de Camboriú deram início ao retorno das aulas após sete meses em atividades remotas. A volta foi autorizada no dia 22 de outubro através de uma medida assinada pelo juiz Jefferson Zanini, magistrado 2ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Florianópolis, que permite o retorno de todas as unidades escolares privadas do estado independente da faixa em que se encontra a região. Atualmente, os municípios da Foz do Rio Itajaí estão em faixa laranja, ou seja, grau grave de contágio do Covid-19. 

Os Comitês municipais tiveram que deliberar sobre os planos das escolas a partir das regras previstas no Plano de Contingência da Educação de Santa Catarina (PlanCon), que informa as medidas a serem tomadas para manter o funcionamento das atividades escolares. 

O Colégio Recriarte recebeu os alunos novamente na última terça-feira (27). Antes do retorno, houve uma preparação bem detalhada. As escolas de Camboriú e Balneário Camboriú se reuniram para montar juntas o plano de contingência que contou com mais de 20 páginas a respeito das medidas a serem tomadas. Após a aprovação, o planejamento foi explicado e aplicado a todos os funcionários, professores, pais e alunos. 

As principais medidas foram:
- Disponibilização de álcool 70% na porta de cada uma das salas, banheiros e pátio
- Desinfecção de áreas compartilhadas, como banheiros e parques, a cada uso utilizando produtos certificados pela ANVISA.
- Afastamento das carteiras dos alunos para uma distância mínima de 1,5m.
- Processo de aferição de temperatura, limpeza das mãos, mochilas e sapatos, na entrada da escola.
- Preferência de utilização de espaços abertos, como terraço.
- Troca máscaras dos alunos e professores a cada 2 horas

A volta às aulas está sendo de forma gradual, como manda a legislação. Dessa forma, as turmas finais dos níveis educacionais iniciaram na terça-feira, e a cada semana uma turma retorna. Porém, turmas de Ensino Fundamental II e Ensino Médio não retornarão às aulas presenciais este ano, apenas em 2021, de forma híbrida, isso porque os resultados das atividades remotas foram positivos.

Gustavo Servelin, administrador do Colégio Recriarte, conta que está sendo bem desafiador, mas que todos estão bem motivados. “A saudade das professoras, auxiliares e alunos já era bem grande e cremos que, principalmente nas turmas iniciais, o carinho e o afeto é parte determinante para o sucesso da educação, o qual pode ser transmitido ainda mais pessoalmente. Claro, mantendo sempre uma distância segura.”, disse. 

O retorno ainda é facultativo, ou seja, os pais podem decidir se os filhos vão ou não voltarem a frequentar presencialmente. Por isso, os alunos que estão em casa continuam com as aulas online. 

As outras escolas particulares do município não deram retorno até o fechamento desta matéria.




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM






EDUCAÇÃO  |  23/11/2020 - 15h


EDUCAÇÃO  |  05/11/2020 - 12h